08.02.2017 | 16h00


PODERES / HABEAS CORPUS

TJ retira julgamento de pauta e ex-secretário Cursi continua na prisão

A retirada foi feita a pedido do relator Alberto Ferreira de Souza, e o recurso deve voltar à pauta do TJMT na próxima semana


DA REDAÇÃO

Os desembargadores da 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Mato Grosso retiraram da pauta de julgamento, desta quarta-feira (08), o mérito do habeas corpus impetrado pela defesa do ex-secretário de Estado de Fazenda, Marcel de Cursi.

Ele continua preso no Centro de Custória de Cuiabá, onde está há um ano e cinco meses.

A retirada do mérito foi feita a pedido do relator Alberto Ferreira de Souza, e o recurso deve voltar à pauta na próxima semana.

O magistrado não justificou o pedido para o adiamento da decisão. A 2ª Câmara Criminal é composta também pelos desembargadores Pedro Sakamoto e Orlando Perri.

Cursi já teve liminar do pedido de liberdade negado em outubro do ano passado.

O ex-secretário é réu na Operação Sodoma, que trata sobre crimes de corrupção, cobrança de propina, lavagem de dinheiro, fraudes em incentivos fiscais, entre outros, que teriam ocorrido na gestão do ex-governador Silval Barbosa (PMDB).

A expectativa da defesa de Cursi é de que ele seja beneficiado com a liberdade, assim como o ex-secretário de Planejamento, Arnaldo Alves de Souza Neto, que deixou a cadeia mediante pagamento de R$ 607 mil em fiança, em janeiro.

Na oportunidade que liberou Arnaldo Alves, o voto do desembargador Orlando Perri classificou como “vagos e genéricos” os argumentos utilizados pela juíza Selma Arruda, da 7ª Vara Criminal, para mandar prendê-lo.

Sílvio César Corrêa 

Os desembargadores também adiaram para a próxima sessão o julgamento do recurso do ex-chefe de gabinete de Silval Barbosa, Sílvio César Corrêa de Araújo. Ele é apontado como o “braço direito” do ex-governador e acusado de manter postura intimidatória para com os demais réus.

Além da prisão pela Sodoma 4, ele ainda está preso pela Sodoma 3 e ainda tem medida cautelar pela Sodoma 1.

Leia mais: 

Preso por corrupção, Cursi pode deixar a cadeia nesta quarta-feira











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO