23.11.2010 | 11h52


POLÍCIA

Dois fiscais da Sema são presos sob acusação de cobrança de propina

ALEXANDRE ALVES
DE SINOP

Dois fiscais da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) estão presos na Delegacia de Polícia Civil de Nova Mutum (250 km de Cuiabá), desde ontem à tarde, por suspeita de corrupção ativa. Eles foram denunciados por avicultores de cobrar propina para não emitir multas.

Conforme uma fonte, os dois, que não tiveram os nomes revelados ainda, estavam no município desde a última sexta-feira (19) fazendo vistorias nas granjas de produção de aves. Quando se deparavam com alguma irregularidade, cobravam propina para não multar. Alguns agricultores pagaram tal cobrança ilegal e avisaram a polícia.

Uma operação foi desencadeada pelo Ministério Público e Polícia Civil. No momento da prisão, nesta segunda-feira, ambos estariam com cheques dos denunciantes. Os valores seriam sempre acima dos R$ 3 mil cada folha. Eles foram detidos em flagrante.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO