13.06.2018 | 08h15


MÃE DENUNCIOU

Avô é preso por estuprar neta de 9 anos em Cuiabá

A Polícia Militar foi acionada pela filha do criminoso e mãe da vítima. A criança disse que o avô a enforcou e enfiou o dedo em sua vagina.


DA REDAÇÃO

Um homem de 59 anos foi detido pela Polícia Militar após a filha dele denunciar um suposto abuso sexual sofrido pela filha dela, de 9 anos, que é neta do agressor. O caso aconteceu no bairro Jardim Industriário, em Cuiabá, na noite de terça-feira (12).

Conforme a mãe da vítima, uma vizinha disse que o estuprador se justificou dizendo que quando a filha saia de casa, ela própria mandava o pai ter relações com a criança. 

Aos policiais, a mãe explicou que não sabia da situação. Ela relatou que a filha de 9 anos tem apresentado comportamento estranho na presença do agressor, principalmente medo. Já em relação à filha de 4 anos, a mãe disse não ter notado alterações.

Ainda aos militares, a mulher afirmou que desconfia do próprio pai, pois nos últimos dias ele tem levantado no meio da noite sem motivo aparente.

A criança, por sua vez, disse que tem medo do avô, pois certa vez ele a enforcou e enfiou o dedo em sua vagina.

Ao receber voz de prisão, o avô se defendeu afirmando aos policiais que a história era “conversa” da menina, que é “problemática”.

Os três foram levado para a Central de Flagrantes (Cisc) para prestar esclarecimentos sobre o fato.

O caso é investigado pela Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Deddica).

Leia mais

Menina de 11 anos pede socorro e denuncia ser estuprada pelo padrasto com o apoio da mãe

Ex-padrasto enviava fotos do pênis para menina de 12 anos











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER