09.05.2019 | 07h50


OSTENTAÇÃO

Receita Federal está de olho em quem posta vida de luxo na Internet

Euda Pinheiro faz um alerta sobre os cruzamentos de dados feitos pela Receita Federal de valores incompatíveis declarados por quem ostenta vida de luxo nas redes.


DA REDAÇÃO

Em entrevista ao , a contadora Euda Pinheiro alerta sobre os riscos de cair na malha fina por declarar à Receita Federal valores incompatíveis a gastos com transações bancárias e cartões de crédito, além da condição financeira ostentada na internet.

A Receita recebe informações ao longo do ano anterior de instituições financeiras, cartórios e administradoras de cartão de crédito e hoje existe uma agilidade no cruzamento desses dados.

Euda lembra que a Receita Federal está averiguando as mídias sociais e quem declara um valor e ostenta uma outra realidade em redes sociais, como instagram, por exemplo, pode ser chamado a explicar a origem daquele recurso. 

"Uma novidade deste ano é que ao entregar o Imposto de Renda, em 24 horas o contribuinte saberá se tem pendência ou caiu na malha fina". 

A contadora explica ainda sobre como acontece a restituição do imposto de renda e a declaração de casais separados com filhos, além das consequências da não declaração. 

O prazo para declaração do Imposto de Renda 2019 encerra no dia 29 de abril e a Receita Federal espera que sejam feitas 30,5 milhões de declarações pelos contribuintes este ano.

 

Confira a entrevista na íntegra:

 











(2) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

ana  24.03.19 13h12
eu tambem acredito em papai noel. se vc tem 2 empregos pra manter um certo padrão de vida o IR vem e alem de descontar todo mes ainda abocanha vc na declaração. quero ver .... tem categorias que recebem muito bem e os penduricalhos ficam fora do IR fora aqueles que sonegam. o imposto deveria ser dividido de 5 em 5 ai ficaria mais justo não como é agora

Responder

9
1
Paulo Jose   24.03.19 10h11
Tem muita gente que ostenta e não tem nada

Responder

21
0

Enquete

R$ 65 MILHÕES

Você é a favor ou contra o corte de Bolsonaro no orçamento da UFMT e IFMT?

Sim, só produzem baderna

Não, vai piorar o nível dos cursos

Sim, a maior parte do gasto é com altos salários de servidores

Não, deveria aumentar os investimentos

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER