15.10.2019 | 14h27


PROVA DE AMOR

Carpinteiro cria carruagem de princesa para levar a noiva ao altar

Carpinteiro Osmir Silva e a pedagoga Gecilda Antônia Felix se casaram neste domingo (13), em Mirassol (SP), com direito ao "carro de luxo" feito pelo marido



Depois de mais de três anos construindo o sonho da noiva Gessilda Antônia Felix, o carpinteiro Osmir Eicle Silva se casou com ela, e com direito a usar sua prórpria criação: a carruagem de princesa. O casamento foi em uma chácara em Mirassol (SP) neste domingo (13).

O casal está junto há mais de sete anos e conta que a ideia surgiu há cinco anos. Depois de realizar um dos sonhos da noiva e deixar a carruagem pronta, a missão era outra: juntar dinheiro para o outro sonho da companheira, o do casamento.

“Fiquei muito emocionada, muito feliz de ver o sonho realizado, um casamento de princesa”, diz Gessilda, após chegar na carruagem feita pelo próprio noivo.

“Muito feliz, me sinto abençoado por Deus, momento magnífico. Ela vai ser minha princesa, minha rainha, meu tudo. Terão outras surpresas na vida, não será apenas a carruagem. Uma ideia diferente a cada dia”, promete o noivo depois do sim.

Para montar a carruagem, Osmir conta que dedicou o tempo não apenas na mão de obra, mas também caçando a matéria prima. As rodas da carruagem ele conseguiu achar depois de muita pesquisa na internet, no Mato Grosso do Sul.

Como é artesão, a parte de madeira da carruagem o próprio Osmir quem montou, fazendo o desenho e os ajustes necessários. Para proporcionar luxo à agora esposa, o estofamento foi feito com veludo. Ele revela que precisou da ajuda de um amigo que trabalha com sofás.

Osmir conta que o desafio foi grande, pois ele queria construir uma carruagem que se parecesse com as antigas, da época da realeza.

"Foi um presente para minha amada, então tudo valeu a pena. Minha intenção era fazer o mais fiel possível", afirma











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO