26.02.2019 | 08h40


VÁRZEA GRANDE

Grávida leva tapa na cara e revida com facada no marido

A briga foi registrada por volta das 3h desta terça-feira (26) no Bairro José Carlos Guimarães.


DA REDAÇÃO

A grávida Palmira Rodrigues dos Santos, 31 anos, foi presa pela Polícia Militar por esfaquear o marido, Adelson Aparecido de Moraes Silva, de 39 anos, durante uma briga na madrugada desta terça-feira (26), no Bairro José Carlos Guimarães, em Várzea Grande. Por causa das agressões, Adelson Aparecido também foi detido.

Os militares do 4° batalhão da PM foram ao local por volta das 3h, após receberem uma denúncia de que Palmira Rodrigues teria tentado matar o marido com um golpe de faca depois de levar um tapa no rosto.

Ao chegar na casa, a polícia encontrou o homem caminhando pela rua com sangramento em uma das mãos. Ele explicou que o ferimento ocorreu no momento em que tentou se defender do golpe de faca dado pela esposa.

Adelson foi socorrido e encaminhado para uma unidade de saúde, porém, foi autuado por crime de lesão corporal.

Depois de checar os dados de Palmira Rodrigues dos Santos, os policiais descobriram que a acusada tinha um mandado de prisão em aberto pelo crime de roubo. Ela foi encaminhada para a Central de Flagrantes (Cisc), no Bairro Planalto. 

Leia também

Mulher tranca ex-namorado em casa, morde e xinga policiais











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

Enquete

ABUSO DE AUTORIDADE

Você concorda com aprovação da Lei para punir juízes?

Concordo: MP e Juízes erram muito e prejudicam pessoas de bem

Não concordo. A aprovação da lei é que é um abuso

Bolsonaro deveria vetar a lei

Bolsonaro deve sancionar a lei

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER