09.11.2019 | 08h48


MONSTRUOSIDADE

Ex-namorada é suspeita de derreter pênis de homem com ácido

Mulher teria pedido desculpas ao ex-namorado após o incidente. Polícia investiga o paradeiro da suspeita



Um pedreiro de 45 anos teve o pênis atingido por ácido na tarde dessa quarta-feira (06/11/2019). O homem relatou que estava dormindo em casa quando foi surpreendido pela ex-namorada, que jogou o material corrosivo.

A vítima está internada em estado estável na Unidade de Emergência do Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto (SP). De acordo com o boletim de ocorrência, da Polícia Civil, o órgão genital do homem ficou “derretido, sem a pele e com danos visíveis”.

O pedreiro apresentou aos investigadores mensagens enviadas pela suspeita em seu celular. Nos diálogos, enviados após o incidente, a mulher pede desculpas pela atitude. À reportagem, a vítima disse estar “abalada” e não deu mais detalhes.

A Polícia Civil não encontrou o paradeiro da ex-namorada do pedreiro. A mulher pode responder por lesão corporal, com prisão de três meses a um ano. A pena pode aumentar dependendo da gravidade apresentada nos laudos médicos.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO