18.05.2020 | 09h27


GERAL / VEJA FOTOS

Servidores públicos são arremessados na rodovia após colisão e morrem

Fiesta bateu de frente com uma Hilux na tarde desse domingo, em Nova Canaã do Norte, e mais duas pessoas foram resgatadas com ferimentos graves


DA REDAÇÃO

Uma batida de frente entre uma caminhonete Toyota Hilux e um Ford Fiesta matou três e deixou duas feridas durante a tarde desse domingo (17) nas proximidades da ponte do Rio Teles Pires, região da comunidade Colorado, mais conhecida como Linha 12, em Nova Canaã do Norte (699 km da Capital).

Gentil Rodrigues de Oliveira, 54 anos, o professor Glauber Pyramon de Oliveira, 39, e a enfermeira Elis Valéria de Oliveira, 33, todos ocupantes do Fiesta, foram lançados do veículo, não resistiram e morreram no local.

Glauber e Elis eram irmãos e servidores públicos da Prefeitura de Colíder. Gentil era tio das vítimas.

Um adolescente de 12 anos, filho de Elis, que também estava no Fiesta e ainda um ocupante da caminhonete ficaram feridos, foram socorridos por uma ambulância do município e encaminhados ao hospital de Canaã, porém, devido à gravidade dos ferimentos precisaram ser levados ao Hospital Regional de Colíder.

Não há informações sobre o atual estado de saúde dos pacientes.

De acordo com o motorista da caminhonete, ele subia um morro da região devagar, pois estava olhando para uma propriedade da local, quando o outro carro, que seguia na direção contrária, bateu violentamente contra a Hilux.

O motorista relatou que não percebeu o exato momento em que o Fiesta ‘surgiu’ e bateu contra a Toyota, no entanto acredita que o condutor tenha perdido o controle da direção e causado o acidente, quando os quatro ocupantes do carro foram arremessados na estrada.

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) atendeu a ocorrência, analisou as condições em que os corpos foram encontrados e periciou o local para colher informações que comprovem as circunstâncias do acidente fatal.

Em seguida, os cadáveres foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML).

A Polícia Civil acompanhou os trabalhos da perícia, conversou com as testemunhas e aguarda o laudo técnico que irá dar base às investigações.

O prefeito de Colíder, Noboru Tomiyoshi, decretou luto de três dias no município devido à morte dos servidores e em uma nota de pesar escreveu: “Desejamos aos pais e toda a família que Deus ofereça o conforto necessário nesta hora difícil e de tanta dor”

Nota de Pesar da Prefeitura de Colíder

"A Prefeitura de Colíder e as secretarias municipais de Educação e de Saúde lamentam o falecimento dos servidores públicos Elis Valéria de Oliveira (33) e Glauber Pyramon de Oliveira (39) ocorrido na tarde deste domingo (17.05) em acidente ocorrido em Nova Canaã do Norte. Os dois e o tio Gentil Rodrigues de Oliveira (54) não resistiram e morrem no local do acidente, na estrada de acesso à comunidade Colorado, perto do rio Teles Pires. O veículo Fiesta em que estavam colidiu contra uma caminhonete Hillux. 'Colíder amanhece triste com a perda de dois moradores queridos. Estamos consternados', lamenta o prefeito Noboru Tomiyoshi, que decretou luto oficial de três dias. 'É um momento muito difícil para a família e para todos nós. Eles eram tão jovens e tinham uma vida toda pela frente', pontua.'Lamentamos profundamente o ocorrido, e nos solidarizamos com a família de Siloé e dona Cida. Desejamos aos pais e toda a família que Deus ofereça o conforto necessário nesta hora difícil e de tanta dor', declara o prefeito. Elis, profissional de enfermagem que trabalhava no Hospital Regional, e o professor Glauber, lotado na Escola Cleonice Miranda da Silva, eram filhos dos pioneiros Siloé de Oliveira e dona Cida.

Galeria de Fotos:
Crédito:
Crédito:
Crédito:
Crédito:
Crédito:










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO