10.05.2019 | 08h09


R$ 401 MILHÕES

Governo paga salários de até R$ 5,5 mil e quita mais de 80% da folha

Serão depositados até R$ 5.500 nas contas dos servidores estaduais ativos, aposentados e pensionistas. Os valores serão creditados nas contas ao longo do dia.



Cerca de 80% dos 115.752 mil servidores estaduais ativos, aposentados e pensionistas recebem integralmente seus salários relativos ao mês de abril nesta sexta-feira (10).
O Governo do Estado encaminhou na quinta-feira (09) ao Banco do Brasil as ordens de pagamento de até R$ 5.500,00 entre salários, proventos, gratificações e pensões. 

Nesta primeira de três parcelas, a Secretaria de Fazenda depositará R$ 401,1 milhões. Ao longo do dia os salários estarão sendo creditados na respectivas contas.

“Chegamos ao dia 10 quitando integralmente 80,3% da folha de pagamento dos servidores e estamos trabalhando firmemente na Sefaz para chegar aos 100% o mais breve possível, como é compromisso e determinação do governador Mauro Mendes”, destaca o secretário de Fazenda, Rogério Gallo.

Para os servidores que recebem acima de R$ 5.500,00, o pagamento complementar ocorrerá em até duas etapas. Na terça-feira (14), serão pagos até R$ 2.000,00, num desembolso total de R$ 36,865 milhões. Com isso 88% da folha do funcionalismo público estará quitada.

A última parcela que completa o pagamento de toda a folha de abril e será paga no dia 22 de maio. O valor total será de R$ 59.464 milhões para os servidores ativos, aposentados e pensionistas que recebem acima de R$ 7.500,00.

Quando completar o pagamento dos servidores, o Governo terá desembolsado na folha de pagamento do mês de abril  um total de  R$ 497,512 milhões.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

Enquete

R$ 65 MILHÕES

Você é a favor ou contra o corte de Bolsonaro no orçamento da UFMT e IFMT?

Sim, só produzem baderna

Não, vai piorar o nível dos cursos

Sim, a maior parte do gasto é com altos salários de servidores

Não, deveria aumentar os investimentos

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER