09.06.2019 | 08h33


BENEDITO FIGUEIREDO

Prótese de silicone

É verdade que tem que trocar a prótese de silicone a cada 10 anos?

A resposta é não. Sabemos que essa é uma dúvida das mulheres que colocaram prótese de silicone. Desde o ano de 2000 até os dias de hoje,  a prótese não tem mais validade e é segura e por isso, não se faz necessário a troca a cada 10 anos como era antigamente.

Nos anos 80 elas duravam menos porque eram mais lisas e o silicone era mais líquido – atualmente elas são texturizadas, feitas com várias camadas de gel coeso que não vaza e mantém a posição.

A orientação da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica é que só se deve trocar a prótese em caso dela apresentar problemas ou em caso de querer mudar o tamanho dela, ou remodelá-la pela flacidez do peito em caso de amamentação ou pelo processo natural de envelhecimento.

Inclusive, hoje alguns fabricantes dão garantia vitalícia. Isso não quer dizer que  os implantes não possam apresentar pequenas rupturas com o tempo e causar dor e desconforto. Mas ainda assim, não oferecem risco de morte para a paciente. Essas rupturas são constatadas em  exames como o ultrassom que deve ser feita anualmente como prevenção e a ressonância magnética em casos de suspeita de qualquer anormalidade na prótese.

Há casos, a mulher pode ter a prótese há mais de 10 anos e não apresentar incômodos que indiquem a necessidade de troca. Mas, se for sentida coceiras, latejamento das mamas, inflamação das glândulas mamárias e cistos, é essencial procurar um médico o quanto antes e fazer um checkup.

Também pode ser necessária a troca quando a paciente engorda demais ou emagrece muito,  o que pode influenciar na localização da prótese que fica mal alojada e tem que ser trocada. Nesse caso é feita uma nova cirurgia e a cicatriz fica em T mais aparente. Se for apenas substituir por uma prótese maior, então mantem-se a mesma cicatriz embaixo dos seios. Se tiver que remodelar a mama e ainda trocar por uma menor, a cicatriz será feita pelo mamilo em T. Ficando mais aparente.

De qualquer forma, vale a pena ficar atenta aos sinais do seu corpo e se notar qualquer anormalidade independente de sua prótese ter 10 anos, mais ou até menos, procure o médico o mais rápido possível. Sua saúde sempre tem que estar acima da estética.

Benedito Figueiredo Junior é cirurgião plástico na Angiodermoplastic. CRM 4385 e RQE 1266. Email: drbeneplastica@gmail.com

Os artigos assinados são de responsabilidade do autor, não apresentando, portanto, a opinião do site ReporterMT.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.


Confira também nesta seção:
16.06.19 07h55 »  O respeito e seu significado
16.06.19 07h55 »  Verás que um filho
16.06.19 07h55 »  Unemat
16.06.19 07h55 »  O VLT e a Smart City
15.06.19 07h55 »  As dores da alma
15.06.19 07h55 »  Desafiando o tabu
15.06.19 07h55 »  O lado mais fraco
15.06.19 07h55 »  Contorno Leste
14.06.19 07h55 »  De que lado você está?
14.06.19 07h55 »  Presunção de inocência

Enquete

R$ 65 MILHÕES

Você é a favor ou contra o corte de Bolsonaro no orçamento da UFMT e IFMT?

Sim, só produzem baderna

Não, vai piorar o nível dos cursos

Sim, a maior parte do gasto é com altos salários de servidores

Não, deveria aumentar os investimentos

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER