08.03.2019 | 13h17


MERCADO DE TRABALHO

Mulheres em cargos de liderança são poucas em MT; OIT faz pesquisa pioneira no Estado

A escolha se deve ao fato de a Organização Internacional do Trabalho (OIT) notar que em Mato Grosso há índice elevado de mulheres que não ocupam espaço de liderança nas empresas.


DA REDAÇÃO

Mato Grosso foi escolhido pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) como o Estado piloto para a execução da primeira pesquisa em solo brasileiro, que identificará as barreiras e deficiências que dificultam o empreendedorismo feminino.

Em entrevista ao ,  Layla Leão Lima Teixeira, coordenadora de projetos e parcerias Senai MT, explicou sobre o projeto  Women’s Entrepreneurship Development, que significa Desenvolvimento do Empreendedorismo Feminino. "A OIT percebeu que em Mato Grosso existe um índice elevado de mulheres que ainda não estão ocupando espaço de liderança nas empresas", pontuou. 

O primeiro passo do projeto está na identificação do cenário, por meio de dados secundários. Depois, a Faculdade de Tecnologia Senai Mato Grosso (Fatec Senai MT), parceira do projeto, fará as entrevistas com diversos perfis de mulheres, tanto proprietárias de empresas, como aquelas que ocupam cargos de liderança em organizações.

Para Layla, a pesquisa vai trazer à tona muitas informações sobre o assunto e provocar reflexão: "Paralelo à pesquisa, haverá workshop sobre diversidade de gênero, previsto para o mês de junho", informou. 

Confira a entrevista na íntegra:

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Enquete

GESTÃO

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora?

Excelente: MT foi destruído por governos anteriores

Bom: Está enfrentando problemss que ninguém quis enfrentar

Ruim: Não faz reformas de verdade e culpa o servidor

Péssimo: Vai conseguir ser pior que Silval e Taques

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER