05.05.2019 | 16h00


SOB NOVA DIREÇÃO

Extinção de ratos e baratas da Santa Casa será o começo, diz secretário



O secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo disse na imprensa, após assumir administração da Santa Casa de Cuiabá, que viu barata e rato andando pelos corredores do hospital. No setor de hemodiálise, relatou que há mofo, situação que pode desencadear uma contaminação e “levar pacientes à morte”. 

Segundo o gestor, entre as primeiras medidas do Estado na unidade está a higienização  do hospital e garantindo a maior segurança possível aos pacientes.

O Governo assumiu a Santa Casa, por meio de uma Requisição Administrativa, na última quinta-feira (02). O objeto é reabrir a unidade, fechada há quase dois meses e pagar os sete meses de salários atrasados dos funcionários. O Hospital também acumula dívida na ordem de R$ 118 milhões.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER