13.05.2019 | 14h24


MÁFIA DA SAÚDE

Ex-secretário e médicos envolvidos em esquema entregam passaportes



O ex-secretário de Saúde de Cuiabá, Huark Douglas Correia e os médicos Fábio Liberali e Luciano Correia entregaram seus passaportes ao juízo da Sétima Vara Criminal como parte da medida restritiva que substituiu as prisões decretadas a eles na Operação Sangria.

A medida foi protocolada na última sexta-feira (10).

A juíza Ana Cristina Mendes decretou a soltura dos três no dia 03 de maio por demonstrarem postura colaborativa, ao informar sobre as ilicitudes em contratos junto ao Governo do Estado e Prefeitura de Cuiabá, para favorecer as empesas Proclin e Qualycare, ambas administradas por Huark.

Entre as medidas cautelares também constam: recolhimento domiciliar noturno, não mudar de endereço, proibição de manter contato com testemunhas, proibição de se ausentar da comarca, monitoramento eletrônico e comparecimento em todos os atos do processo.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Enquete

R$ 65 MILHÕES

Você é a favor ou contra o corte de Bolsonaro no orçamento da UFMT e IFMT?

Sim, só produzem baderna

Não, vai piorar o nível dos cursos

Sim, a maior parte do gasto é com altos salários de servidores

Não, deveria aumentar os investimentos

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER