19.01.2011 | 08h04


Vítimas convocam compradores para reunião com a empresa

ROBERTA DE CÁSSIA    11h21
DA REDAÇÃO

O grupo Vítimas Ginco/ Goldfarb convoca todos os compradores dos residenciais Mônaco, San Marino e Montenegro para uma reunião com representantes da empresa na obra hoje(19) às 16h.

Para as vítimas, a empresa marcou um horário no meio da tarde, já com a intenção de desmobilizar os compradores, mas mesmo assim, o grupo convidou todos os interessados a resolver o impasse, fazendo o sacrifício de comparecer.
O grupo disse que pretende ouvir a proposta da Ginco/Goldfarb para depois se reunirem e decidirem se aceitam ou não o que for proposto.

O impasse entre Ginco/ Goldfarb e os 816 compradores (cada residencial tem 272 casas) começou quando foi constatado que a empresa vendeu os imóveis como condomínio fechado e na verdade é um loteamento.

Aí começaram as dúvidas sobre a questão da segurança, se poderiam ou não fechar as vias públicas com muro e cancela. "A gente comprou um condomínio era por segurança, e também por confiança na marca Ginco e Goldfarb", comentou a jornalista Eveline Teixeira, quando constatou que era um loteamento e não um condomínio fechado como vendido.

A Ginco e a prefeitura foram convocadas para dar explicações ao Ministério Público, mas até que o caso seja resolvido, a empresa montou um plantão para tirar dúvidas dos compradores e dar garantias que seria entregue com muros e cancela. Mas nada por escrito.

Após essa reunião de hoje que não poderá ser acompanhada pela imprensa, a Ginco/Goldfarb fará uma coletiva no dia 20, quinta-feira às 8h30 no Residencial San Marino.

Segundo a assessoria estarão presentes o sócio-diretor da Ginco, Julio Cesar de Almeida Braz, e o vice-presidente nacional da Goldfarb, Paulo Petrin.

 

 











(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Mauricio  26.03.12 14h03
Empresa PDG que responde pela Goldfarb. Lesou mutuários em TODOS O Brasil, basta procurarem no Google que vcs vão encontrar várias notícias como essa. O Ministério Publico Federal e a Policia Federal está demorando para agir e colocar na cadeia os sócios proprietários dessa empresa estelionatária.

Responder

0
0

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO