26.02.2020 | 15h39


VARIEDADES / MUNDO ANIMAL

Macaco escapa de vasectomia e tenta fugir de hospital com duas fêmeas

O "trisal" vive num santuário que está com problemas de superpopulação.



Um macaco foi visto fugindo do setor de pesquisas médicas do Royal Prince Alfred Hospital, em Sydney (Austrália), antes de ser submetido a vasectomia. O babuíno escapou com duas fêmeas, levadas ao centro médico para acalmar o macaco durante os preparativos para o procedimento.

De acordo com o "Daily Telegraph", as fêmeas são esposas do babuíno. O "trisal" vive num santuário que está com problemas de superpopulação.

Polícia e agentes ambientais foram ao local e conseguiram capturar o babuíno e as fêmeas. Nesta quarta-feira (26/2), ele foi finalmente submetido à vasectomia. Nos próximos dias, os símios voltarão ao santuário.

Inicialmente, suspeitava-se de que os animais teriam escapado da área de testes para pesquisas médicas do hospital, mas a direção do hospital logo negou. Em 2016, o Royal Prince Alfred Hospital admitiu que usa babuínos em estudo para previnir e tratar doenças.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

Enquete

QUARENTENA

Você é a favor de parar tudo ou só isolar grupo de risco?

Sim, parar tudo é a melhor solução para conter o vírus

Não, parada total é suicídio econômico; será o caos pior que a doença

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO