22.05.2020 | 08h29


VARIEDADES / DEU RUIM

Leo Dias deixa o site UOL após ser acusado de intolerância religiosa

Jornalista se pronunciou através do seu Instagram, e acabou fazendo comentários polêmicos sobre o candomblé, que é a religião da Anitta



Leo Dias anunciou nesta quinta-feira (21) que não faz mais parte do time do UOL. Tudo começou com uma briga entre o apresentador e a cantora Anitta. Na quarta-feira (20), o jornalista se pronunciou através de seus Stories, no Instagram, e acabou fazendo comentários polêmicos sobre o candomblé, que é a religião da cantora. Ele usou termos como "candomblé do mal" e "candomblé vegano".

Nesta quinta, Leo Dias surgiu novamente exaltado em sua conta na rede social por causa de uma reportagem feita pelo portal Universa, que pertence ao UOL - empresa na qual o jornalista trabalhava. A reportagem repercute acusações que Leo Dias sofreu na internet por intolerância religiosa e explica por que não existe "candomblé do mal", termo utilizado por Dias em seus vídeos atacando Anitta.

Dias criticou o jornalismo da Universa, se defendeu das acusações, dizendo que tem familiares na religião e que existe, sim, "Candomblé do mal". De quebra, Leo ainda ameaçou processar o portal. O que deixou muita gente sem entender nada é que o jornalista criticou o próprio lugar onde - até então - trabalhava. "Em vez de vocês publicarem essas baboseiras que vocês publicam, deviam ter me ligado! Agora, processar, eu vou processar", disse.

Mais tarde,  Leo Dias avisou no Twitter: "Não faço mais parte do portal UOL. Quero agradecer a todos pelo apoio. Novos rumos me aguardam. Fiquem com Deus e uma boa semana". 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO