10.12.2019 | 10h07


VARIEDADES / DEU RUIM

Globo reduzirá salários milionários de Faustão, Fátima e Huck

Cortes chegarão ao entretenimento e cada apresentador deve ser chamado para renegociar vencimentos individualmente



A  Globo vai cortar os milionários salários dos apresentadores Faustão, Fátima Bernardes, Luciano Huck e Ana Maria Braga. Segundo o portal Na Telinha, as reduções seguem o novo padrão da emissora, que após unificar todos os setores, está renegociando os maiores vencimentos do canal.

De acordo com o blog, os apresentadores serão chamados individualmente na medida que os atuais contratos forem vencendo. As renovações devem acontecer com uma redução salarial de 20% a 40%, sem alterar os ganhos com o merchan.

A nova política corporativa faz parte do processo de reestruturação da empresa. A Uma Só Globo vai unificar todo o conglomerado em um só CNPJ. Com a modificação, um apresentador pode ter um quadro no canal Multishow, por exemplo, sem aumento no contrato, mas receber pelos merchans da nova atração e mesmo assim manter o programa na TV aberta.

A publicação trouxe ainda a versão da emissora, que afirmou que não haverá redução salarial dos artistas do entretenimento. “Em sintonia com as transformações pelas quais passa nosso mercado e com as novas dinâmicas de parceria da Globo com os seus talentos, estamos revendo modelos de contrato para atividades estratégicas nas múltiplas plataformas das empresas Globo, em comum acordo e sem prejuízo para nenhuma das partes”, disse.

Integração 

A partir de janeiro, a Uma Só Globo vai unificar todos os serviços que fazem parte do maior conglomerado de mídia do país, incluindo a TV Globo e todos os canais pagos do Globosat.

Todos os repórteres, âncoras do departamento de jornalismo e esporte estão migrando seus vínculos empregatícios modificados de PJ (Pessoa Jurídica) para CLT. Nomes como William Bonner, Marcos Uchoâ e Tino Marcos já passaram pelo processo. A medida visa diminuir a quantidade de processos na Justiça do Trabalho.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO