25.06.2019 | 10h24


CERATITE

Doença causada por lente de contato leva mulher a retirar o olho

Jovem faz alerta sobre a doença que pode ser evitada com alguns cuidados



A dor insuportável causada por uma doença inflamatória na córnea chamada ceratite levou Marcela Monferdini, 35, a decidir pela retirada do olho esquerdo. O problema foi causado pelo mau uso de lente de contato.

O diagnóstico veio depois de cinco meses de investigação feita por sete médicos diferentes. Eles identificaram um protozoário encontrado na água que aderiu à lente de contato e penetrou no olho.

De acordo com Marcela, ela tentou tratar o problema com medicamento importado por quase um ano e quando parecia que estava dando tudo certo, a situação começou a piorar.

“Ao me examinar, o médico foi categórico e disse que precisaria de um transplante de córnea. Entrei para a fila e consegui fazer a cirurgia em alguns dias, pois meu caso era gravíssimo. No dia seguinte, meu organismo já rejeitou a nova córnea e provocou catarata e glaucoma, lembra.

Marcela ainda passou por outro transplante mais tarde, que foi rejeitado novamente e as dores continuavam. Foi então, que ela resolver retirar o olho. “Como já tínhamos testado de tudo e nada deu certo, achei que essa era a melhor solução. Alguns médicos tentaram me impedir e tive que ir atrás de um laudo que mostrava que recorri a diversas técnicas, todas sem sucesso”, conta ao UOL.

Hoje, ela usa prótese interna de polietileno no olho e uma externa que é para fins estéticos. Embora tenha sofrido muito, ela acredita que o problema serviu para que alertasse outras pessoas da importância de cuidar e fazer o uso correto das lentes de contato.

De acordo com a jovem, várias vezes apareciam pontinhos pretos em suas lentes. Porém, como o produto para lavá-la era caro,  ela ignorava a sujeira e as usava mesmo assim.

Em suas redes sociais, ela diz que apesar do problema vive sua melhor fase e divide sua experiência com outras pessoas monoculares. “A minha prótese, por mais que incomode, por mais q muitas vezes pega na vaidade e por mais que, por pequenas inúmeras situações, seja um bicho papão… É o meu troféu, é a representação da força (que eu nem sabia que eu tinha) que eu tive, é o motivo pra eu agradecer todos os dias e me lembrar q eu mereço esses dias felizes! Não lamente o momento, também não precisa aceitar de cabeça baixa, apenas respire fundo e faça o possível pra que essa situação passe da melhor forma que der.”

A ceratite consiste na inflamação da córnea, a porção externa dos olhos que refrata e transmite a luz e ainda funciona como barreira protetora da superfície do globo ocular. A doença pode afetar apenas um olho ou ambos.

O processo inflamatório pode ter causas diversas, como ação de vírus, bactérias e fungos; exposição à luz ultravioleta, como luz solar ou lâmpadas solares, deficiência de vitamina A, além de irritação causada pelo uso excessivo de lentes de contato.

Sintomas

Os sintomas da ceratite começam de maneira leve e vão aumentando com o tempo. Confira os principais a seguir. Os 3 primeiros estão presentes em quase 100% dos casos:

  • Dor ou desconforto ocular, que costuma ser intenso;
  • Dor no olho ao piscar;
  • Lacrimejamento ou presença de secreção aumentada ou purulenta nos olhos;
  • Aumento da sensibilidade à luz;
  • Queimação ou coceira nos olhos;
  • Sensação de corpo estranho;
  • Inchaço da região palpebral;
  • Visão borrada;
  • Vermelhidão ocular.










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER