08.04.2012 | 10h53


NO TEATRO

Colete de segurança usado por ator que se enforcou vai ser periciado

Polícia deve fazer análise no equipamento e na roupa que o ator usava



O colete de segurança que era usado pelo ator que se enforcou acidentalmente vai passar por perícia. Tiago Klimeck fazia o papel de Judas na encenação da Paixão de Cristo em Itararé (SP), na noite de sexta-feira (6).

Ao representar a cena do enforcamento, Klimeck acabou sendo sufocado pelo equipamento de segurança que usava. "O que nós percebemos, após a apreensão da roupa e dos equipamentos, é que havia um cadarço próximo ao pescoço. Talvez este cadarço tenha sido colocado para dar mais realismo à cena, mas ainda não sabemos dizer ao certo se foi ele que provocou o sufocamento", diz Jocimar Ribas, guarda municipal que participou do socorro ao ator.

Klimeck ficou suspenso por cerca de quatro minutos, sem que nem os outros atores, nem o público, percebessem que ele estava desacordado. "A gente reparou que ele não se mexia. Mas, como se tratava de um ator, todo mundo achou que ele estava representando tão bem que ninguém se deu conta", diz o professor Ernani, que assistia à peça.

"O que soubemos depois do acidente é que ele estava usando um colete de segurança. Mas estava muito apertado, então ele afrouxou antes de subir ao palco. Quando ele pulou, o colete subiu e apertou o pescoço", conta Luis Carlos Rosner, dono de uma barraca de lanches na praça onde foi feita a encenação. Rosner chegou a emprestar uma faca para que os outros atores pudessem cortar a corda que sustentava Tiago.

A polícia ainda não informou se vai abrir inquérito para apurar as causas do acidente. O ator segue internado na UTI, em estado grave.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO