23.02.2011 | 22h41


POLÍCIA

Traída, mulher ameaça matar marido e a filha e acaba presa em VG

MAYARA MICHELS 18h13
DA REDAÇÃO

Uma mulher armada com duas facas fez a filha e o marido reféns na tarde desta quarta-feira (23), em Várzea Grande. Segundo informações da Polícia Militar, a mulher ameaçava matar a filha de dois anos e o marido, em sua residência, localizada na Rua 31 de março, no bairro da Manga.

Ao chegar ao local, a polícia se deparou com Laura Pinto Silva, de 18 anos, dizendo que iria matar as duas pessoas com um facão e uma faca de serra, cada uma em uma mão. Ela dizia que não aceitava traição e o marido, com quem é casada há 7 anos, teria lhe traído com outra mulher dentro de sua residência.

A polícia tentou por meia hora conversar  com a mulher e  conseguiu retirar a criança da casa. Depois, ela acabou soltando as facas e se trancou em um quarto sozinha. Como estava desarmada, policiais arrombaram a porta e prenderam Laura Pinto.

Laura foi encaminhada para o Centro Integrado de Segurança e Cidadania do Parque do Lago. A criança que estava assustada ficou na companhia do pai e de uma amiga da família, que também teria ajudado a convencer a mãe a liberar a criança.

Ninguém ficou ferido. A operação de resgate foi comandada pelo aspirante a oficial Vinícius Coneza e os soldados, Douglas, Belém e Willias.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO