19.01.2020 | 12h40


CUIABÁ

Traficante atira contra adolescente e tenta subornar policiais para não ser preso

O criminoso ofereceu R$ 1, 4 mil em dinheiro, revólver e celular para se livrar da cadeia. Caso foi registrado durante a madrugada no bairro Altos da Serra 2, em Cuiabá.


DA REDAÇÃO

Um homem, nome e idade não revelados, foi preso numa boca de fumo na madrugada desse sábado (18) após atirar contra um adolescente durante uma briga de rua no bairro Altos da Serra 2, em Cuiabá.

Os tiros não acertaram o menor.

A Polícia Militar (PM) afirma que recebeu denúncia, por volta das 01h30, de que um adolescente teria sofrido tentativa de homicídio.

No local, a mãe da vítima contou que estava com o filho na porta de casa, quando o menor e o acusado começaram uma discussão. Em determinado momento, o traficante sacou uma arma, disparou duas vezes em direção ao jovem e correu para dentro da residência, ao lado, onde mora.

Os militares prenderam o acusado e fizeram uma varredura no imóvel, onde foram encontrados e apreendidos um revólver marca Taurus cal. 38 com 04 munições intactas e quatro deflagradas, além de quatro porções pequenas de maconha, material para embalagem e R$ 1.497,00 em espécie, provenientes da venda de drogas.

O traficante tentou resistir à prisão e os policiais precisaram usar força física para algemá-lo bandido.

Após ser algemado, em frente aos policiais o traficante fez ameaças às vítimas dizendo que: “Isso não vai ficar assim”.

Ainda na tentativa de conseguir se livrar da cadeia, o criminoso tentou subornar os militares e ofereceu o dinheiro apreendido, além da arma de fogo e um celular no valor de R$ 3 mil.

A ocorrência foi registrada por crimes de ameaça, corrupção ativa, resistência, disparo de arma de fogo, tentativa de homicídio, tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. 

O traficante foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, onde foi ouvido pelo delegado de plantão e ficou detido à disposição da Justiça e aguardando os procedimentos legais ao caso.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO