09.07.2010 | 11h56


POLÍCIA

Termina greve e coleta de lixo volta a ser feita na Capital



Isa Sousa

Após dois dias de paralisação, funcionários da empresas Qualix Serviços Ambientais voltaram a trabalhar nesta sexta-feira (9). Eles reivindicam vale-transporte, que estava irregular, e aumento de salário prometido para o mês de maio; a empresa negociou com os trabalhadores, que receberam parcialmente na tarde de ontem. O valor que falta é referente ao reajuste salarial, pronetido pela Qualix para o próximo dia 23.

A coleta, que durante a paralisação ficou em 30%, recomeçou ontem, às 17h. A regularização do recolhimento do lixo, segundo um dos motoristas da Qualix que não quis se identificar, deve levar uma semana. O funcionário afirmou que o tempo está relacionado à frota atual da empresa.

"Hoje, temos apenas 10 caminhões de coleta de lixo rodando Cuiabá; por isso mesmo, demoraremos esse tempo", informou. A frota normal da Capital é de 16 caminhões e, atualmente, está desfalcada devido à manutenção dos veículos.

Medida emergencial

A falta de coleta do lixo na Capital fez com que a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminfe) tomasse providências emergenciais. Segundo o secretário Euclides Santos, 20 caminhões-caçamba foram contratados de forma emergencial para que, até domingo (11), a coleta esteja regular em Cuiabá.

"Os caminhões-caçamba trabalharão em conjunto com a frota da Qualix. A coleta do lixo já começou ontem e trabalhará durante todo o fim de semana, para garantir que a situação esteja regularizada já no domingo", disse o secretário.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO