09.05.2011 | 17h51


POLÍCIA

Quatro pessoas morreram; dez condutores embriagados foram presos

MAYARA MICHELS 08h51
DA REDAÇÃO

Quatro pessoas morreram e onze ficaram feridas em acidentes nas Rodovias Federais de Mato Grosso. A Polícia Rodoviária Federal registrou 30 acidentes neste fim de semana.

Por volta das 18h20 de domingo (8), uma colisão lateral acabou provocando a morte de uma pessoa. O acidente foi na BR-364, em Jaciara. Deridiane Santana do Sacramento, 25 anos, conduzia a motocicleta Honda Biz, quando colidiu lateralmente com a Scania R124, conduzida por Valdemar Barros da Silva, 32 anos. Com a colisão, Deridiane não resistiu e morreu no local. O corpo foi encaminhado para o município de Jaciara. O caminhoneiro saiu ileso.

BR-174

Um acidente deixou duas pessoas mortas e seis feridas na noite de sexta-feira (6). Por volta das 20h20, no km 383 da BR-174, próximo a Comodoro, o veículo Peugeot 206, conduzido por Ana Carolina Uebel (24), trafegava sentido Comodoro, quando o VW Gol, conduzido por Jair Paulo Oliveira Flores (38), entrou na rodovia, saindo de uma via lateral, provocando a colisão entre ambos. Com a batida, Jair Paulo e o outro passageiro, Jorge Bezerra da Silva (48), não resistiram e morreram no local. Os outros ocupantes foram levados para o Hospital das Clínicas de Comodoro e para o Hospital de Cáceres com ferimentos.

BR-364

Robison Albanese (40) trafegava no sentido Cuiabá - São Paulo, conduzindo o veículo M.Benz Axor, quando próximo ao km 288 da BR-364, colidiu frontalmente com um M.Benz L1218 com placas de Sinop (MT), carregado com chapas de aço, conduzido por Renato de Lara (35), que ia de São Paulo para Sinop. Com a colisão, Renato acabou morrendo no local. O outro condutor saiu ileso.

Embriagados

Em Várzea Grande, no km 531 da BR-070, às 15h10 de domingo (8), foi preso Ney Gonçalo Pires de Arruda, 51 anos, condutor do veículo Fiat Uno, por envolver-se em acidente e dirigir sob influência de álcool. A ocorrência foi encaminhada à Polícia Civil.

Em Primavera do Leste, no km 286 da BR-070, às 16h15 de domingo (8), foi preso Odair José da Silva, 35 anos, condutor do veículo Renault Clio, por dirigir sob influência de álcool.

Duas pessoas foram presas dirigindo embriagadas em Pontes e Lacerda no intervalo de duas horas. Por volta das 17h30, no km 223 da BR-174, foi abordado Cléber Aparecido de Almeida, 25 anos. O jovem conduzia sob efeito de álcool o veículo VW Gol. Às 19h30, no km 6 da BR-174, os agentes da PRF abordaram José Aleixo do Carmo, 61 anos. Ele foi flagrado dirigindo embriagado o VW Gol. As ocorrências foram encaminhadas à Polícia Civil, na região.

Policiais prenderam um homem no início da noite de sexta-feira (6) por embriaguez ao volante. O flagrante foi no km 33 da BR-070, em Barra do Garças. Rosalino Ramos Abadia, 45 anos, conduzia uma motocicleta quando foi abordado pelos agentes da PRF. Após realizar o teste do etilômetro, foi constatada a embriaguez.

Policiais prenderam na tarde de sábado (7) um homem embriagado, após envolver-se em um acidente no km 28 da BR-174, em Cáceres. Celso Calazans de Oliveira, 47 anos, ia de Salto do Céu para Cáceres, conduzindo um veículo Fiat Doblô, quando perdeu o controle da direção e saiu da pista. Por sorte o condutor saiu ileso, mas após ser constatada a embriaguez, o mesmo recebeu voz de prisão.

Sem carteira e embriagado

Policiais prenderam um homem que dirigia sem carteira de habilitação e ainda estava embriagado. O flagrante foi no km 849 da BR-163, em Sinop. Adaílton dos Santos, 47 anos, foi abordado pelos agentes da PRF conduzindo uma motoneta.

Com carteira falsa e embriagado

Um homem foi preso na noite de sábado (7) por embriaguez ao volante e uso de documento falso. O flagrante foi no km 286 da BR-070, em Primavera do Leste. Os policiais efetuavam fiscalização quando abordaram um Ford Corcel, conduzido por Joaquim Gomes da Silva, 44 anos. Em uma verificação mais detalhada em sua documentação, foi constatado também que sua carteira de habilitação apresentava sinais de inautenticidade. Ao ser perguntado sobre o fato, Joaquim afirmou que pagou R$ 1,400 mil em uma auto escola de Cuiabá, cujo nome não lembrava, para mudar para categoria "AE". A ocorrência foi encaminhada à Polícia Civil, em Primavera do Leste.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO