28.02.2011 | 13h42


POLÍCIA

PRF registrou 36 acidentes neste fim de semana; 4 morreram

MAYARA MICHELS        09h19
DA REDAÇÃO

Quatro pessoas morreram em acidentes neste fim de semana das rodovias federais de Mato Grosso. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, 36 acidentes foram registrados e 14 pessoas ficaram feridas.

Um grave acidente envolvendo dois caminhões provocou a morte de um homem. O fato foi no km 474 da BR-364, em Jangada. Clique aqui e veja a matéria.

Outro acidente com vítima ocorreu na noite de sábado (26), um homem morreu após um grave acidente no km 378 da BR-364, na Serra de São Vicente. Clique aqui e veja a matéria.

BR-163

Por volta das 10h de sábado (26), um homem ficou  ferido após sofrer um acidente no km 659 da BR-163, em Lucas do Rio Verde. Neuri Tasca, de 52 anos, ia de Cuiabá para Sinop, conduzindo a motocicleta Honda CBR quando passou por uma lombada, perdeu o controle da direção e acabou caindo. Neuri teve ferimentos graves e foi levado para o Hospital São Lucas, em Lucas do Rio Verde.

Na sexta-feira (25), um homem morreu após ser atropelado no km 998 da BR-163, em Terra Nova do Norte. Joel Antônio de Oliveira, de 51 anos, ia de Terra Nova do Norte para Novo Mundo, conduzindo um caminhão, quando colidiu frontalmente com uma bicicleta, a qual tinha como condutor Manoel de Souza Silva, de 46 anos. Manoel não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo. Joel Antônio foi encaminhado à Polícia Civil, em Terra Nova do Norte.

Atropelado

Ainda na sexta-feira, um homem morreu após ser atropelado na BR-163, em Sorriso. Marlon Bett, de 25 anos, ia de Sorriso para Lucas do Rio Verde, conduzindo o veículo Fiat Uno, quando atropelou Assis Antônio de Oliveira, de 66 anos, que tentava atravessar a rodovia. O pedestre ainda foi levado para o Hospital Regional de Sorriso, mas acabou morrendo. Marlon foi encaminhado à Polícia Civil, em Sorriso.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO