alexametrics
14.01.2011 | 18h25


POLÍCIA

Polícia Civil prende mulher acusada de tráfico em Rondonópolis

ASSESSORIA/PJC-MT   17h21

Investigadores da Divisão de Delitos Gerais e Legislação (DGL), do Centro Integrado de Segurança e Cidadania (CISC), da Polícia Judiciária Civil de Rondonópolis (212 km ao Sul), prenderam nesta sexta-feira (14.01), Rosane Soares da Silva, 37, acusada por crime de tráfico de drogas, no bairro Vila Olinda.

Após denúncia anônima, policiais passaram a monitorar o local e confirmaram que se tratava de um ponto de venda de drogas. Com mandado de busca e apreensão para o local, os investigadores apreenderam 27 papelotes grandes, totalizando 700 gramas de pasta-base de cocaína em pedras, 13 papelotes pequenos, pronto para comércio, além de R$ 291 em dinheiro e vários utensílios para o preparo e embalo das drogas e uma celular contendo vídeos de pornografia infantil.

Rosane abastecia outras bocas de fumo da região e ainda utilizava o auxílio da filha, menor de idade, para a venda dos entorpecentes. A suspeita foi autuada em flagrante delito por tráfico e corrupção de menores, depois conduzida à Cadeia
Pública local.

Mirassol D´Oeste

Um homem com mandado de prisão expedido pela Comarca de Machadinho do Oeste, no Estado de Rondônia, pelo crime de Furto, foi preso na quinta-feira (13.01), por policiais da Delegacia da Polícia Judiciária Civil de Mirassol D´Oeste (300 km a Oeste). Leandro Perón, 25, é acusado de tentativa de homicídio contra a vítima G.D.S, 24, ocorrido em 29 de dezembro do ano passado.

Leandro, disparou três tiros contra G.D.S, sendo que um dos disparos atingiu o tórax da vítima, que devido à gravidade dos ferimentos foi encaminhado para Cuiabá. Desde o dia do crime, o acusado estava foragido. Os investigadores do núcleo de inteligência da unidade policial da cidade passaram a monitorar alguns locais onde o suspeito poderia estar escondido.

Leandro Perón foi preso em uma residência no bairro Jardim São Paulo. As investigações continuam, já que a arma utilizada no crime, uma pistola calibre 765, ainda não foi localizada.

Ainda em Mirassol D´Oeste, investigadores da Delegacia da Polícia Civil, cumpriram, na quarta-feira (12.01), mandado de prisão preventiva, expedido pela Comarca de Campo Novo do Parecis (396 km a Noroeste), contra Salion Alves Vieira, 29, no bairro Alto da Boa Vista. Salion é acusado de praticar um homicídio qualificado contra a vítima J.J.O.

O condenado tentou fugir de uma viatura policial, durante uma abordagem. Quando interrogado sobre o motivo da fuga, o suspeito não soube responder. Os investigadores realizaram consulta no Sistema de Informações de Segurança (Infoseg) e descobriram que Salion era fugitivo da Justiça.

De início negou ser procurado, mas logo confirmou que estava há algum tempo em Mirassol na casa de parentes, e que veio para a cidade depois de ter praticado o crime em Campo Novo do Parecis.

Os dois presos foram encaminhados para Cadeia Pública local, onde permanecem à disposição da Justiça.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO

Bebe Prime