21.01.2011 | 09h24


POLÍCIA

PF prende homem com mais de 19 quilos de ouro no aeroporto em VG

DA REDAÇÃO   09h21

Na tarde de ontem, a Polícia Federal prendeu um homem quando transportava 18,950 quilos de ouro dividido em 43 barras sem qualquer documento fiscal ou comprovação de origem.A prisão em flagrante ocorreu no Aeroporto Internacional Marechal Rondon.

O ouro foi detectado pelo aparelho de raio-x. Ele vinha de Sinop rumo a São José do Rio Preto-SP.
As barras estavam embaladas em papel carbono azul escuro para dificultar a detecção. O policial em serviço no Plantão do Aeroporto desconfiou do peso excessivo.

Em depoimento, o homem declarou que o ouro não era dele e que apenas transportaria até São José, onde fica a sede da empresa para a qual trabalha e que comercializa ouro. Disse ainda que era a primeira vez que realizaria o transporte de mineral.

O homem não trazia nota fiscal ou qualquer documento que comprovasse a origem do ouro, tampouco seu vínculo empregatício com empresas do setor mineral.

Ele será indiciado pelos crimes previstos no artigo 2º, parágrafo 1º da lei 8.176/91, além do crime de receptação, previsto no artigo 180 do Código Penal Brasileiro. O delegado que realiza o flagrante não descarta a possibilidade de indiciamento por outros crimes decorrentes da legislação específica do Departamento Nacional de Produção Mineral.

Segundo cotação de hoje, do Banco do Brasil, o grama do ouro spot, que é o ouro em barras conforme o apreendido, o grama de ouro é R$ 77,5. Multiplicando pelos 18,950 quilos, o valor apreendido seria então R$ 1.468.625,00. Entretanto, todo o material é periciado posteriormente e a pureza e valor de mercado são avaliadas em laudo técnico.(Com assessoria)

 

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO