alexametrics
25.11.2010 | 21h14


POLÍCIA

PF prende 8 pessoas ligadas ao tráfico internacional em MT

ANTONILLE COSTA
MIDIANEWS 

A Polícia Federal prendeu, nesta quinta-feira (25), oito pessoas em Mato Grosso ligadas ao tráfico internacional de drogas. Os mandados de prisão foram cumpridos em Mirassol D'Oeste (1), Rondonópolis (1) e em Cuiabá (6), durante a Operação Matriz, desencadeada em todo Brasil.

Segundo a PF, uma pessoa está foragida. Os nomes dos presos não foram divulgados.

Além dos mandados de prisão, foram cumpridos oito mandados de busca e apreensão, sendo sete em Cuiabá e um em Mirassol D'Oeste. Foram apreendidos veículos, celulares, cerca de R$ 90 mil, US$ 1 mil, câmera fotográfica, relógio, joias, munições calibre 22 e armas.

A operação foi deflagrada hoje, pela Polícia Federal de Caxias do Sul (RS), com objetivo de cumprir 41 mandados de prisão preventiva nos Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e no Paraguai, bem como 41 mandados de busca e apreensão.

De acordo com a PF, as investigações começaram há dois anos e tiveram a cooperação da Secretaria Nacional Antidrogas do Paraguai. Durante a apuração dos fatos, foi levantado que um grande traficante brasileiro, preso no Paraguai em 1994, era o articulador do envio mensal de meia tonelada de pasta-base de cocaína para o Brasil.

A droga era transportada escondida em veículos, ou em pequenos aviões, que arremessavam os pacotes de cocaína para serem recolhidos por outros traficantes ligados ao grupo. Em julho passado, a Polícia Federal interceptou um lançamento de droga da região Uruguaiana (RS) e apreendeu 61 quilos de droga jogados de uma aeronave.

Mais de 250 policiais federais participam da operação, que teve essa denominação pelo fato da droga comercializada pelo grupo ser "carimbada" com a imagem de um leão, representando a "marca" do cartel fornecedor da droga.

Os mandados foram expedidos pela Justiça Federal de Caxias do Sul.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO

Bebe Prime