alexametrics
18.12.2010 | 22h38


POLÍCIA

Operação Trenó prende 8 em cáceres por roubo, tráfico e tortura



 

FRACISMEIRE ARRUDA

Seis mandados de prisão preventiva foram cumpridos na operação “Trenó”, desencadeada na manhã desta sexta-feira (17.12), pela Polícia Judiciária Civil, em Cáceres (225 km a Oeste). Os presos são pessoas investigadas em crimes de tortura, furto qualificado de uma arma de fogo e tráfico de drogas. Oito mandados de busca e apreensão também foram cumpridos na região por policiais do Centro Integrado de Segurança e Cidadania (CISC), Delegacia Especializada do Adolescente (DEA) e Gerência de Investigações Gerais (GIG), da Delegacia Regional. Ao todo foram presas oito pessoas e apreendida uma menor de idade. 
 
A operação aconteceu em toda área urbana de Cáceres, onde foram presos por mandado de prisão: Luiz Ferreira Ortiz, 28, "Sapo", Genilson da Silva Assunção, 25, "Tortinho", Vicente Francisco da Silva Júnior, 18, Ivan Jonathan Rondon, 20, "Xarope", Romeu Júnior Junqueira, 37, "Cavalo", Leandro Silva de Morais. Em  flagrante por tráfico de drogas, a polícia prendeu: Renan Arthur José da Silva de Moraes, 20, Selma  Maria Bruno dos Santos, 54, e uma menor de 17 anos foi apreendida. 
 
De acordo com o delegado Rogers Elizandro Jarbas, o preso Vicente Francisco da Silva Junior, 18, teve mandado de prisão cumprido por tortura praticada contra um rapaz. O preso junto com outras duas pessoas acreditava que a vítima tinha roubado uma arma de fogo que pertencia a um deles. Para reaver o equipamento,  torturaram o rapaz de várias formas a fim de obter informações do destino da arma. Os dois comparsas estão com mandados de prisão decretados e são procurados.
 
Já Selma Maria e Renan Arthur José da Silva de Morais, 20, são investigados no comércio ilícito de drogas. Na residência de Selma Maria, os policiais encontraram uma porção de maconha, duas munições calibre 38, uma balança de precisão, dois rádios HTs portáteis, um cofre, uma motocicleta e outros objetos.
 
Na residência do casal Renan Arthur e da adolescente, conhecida como a "boca de fumo do Renan", foram apreendidos porções de pasta-base de cocaína, uma balança de precisão, além de objetos de origem duvidosa, proveniente de furto ou roubo feito na região. 
 
A operação “Trenó" terá continuidade nos próximos dias, quando novos mandados de prisão e de busca e apreensão domiciliar serão cumpridos. “Acabamos essa primeira fase”, afirma o delegado Rogers.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO

Bebe Prime