09.07.2020 | 07h12


POLÍCIA / BARRACO NO BARBADO

Mulheres dão 'show' durante prisão com gritaria e celular na privada

Irmãos que eram apontados como quem traficava na região levaram os policiais militares até a casa das fornecedoras das drogas



Investigações sobre dois irmãos que estariam vendendo droga no bairro Barbado, em Cuiabá, deu trabalho para a Polícia Militar, que acabou prendendo um homem, o irmão dele adolescente e mais duas mulheres.

Os agentes foram informados da descrição física dos irmãos que estariam traficando na região. Quando os policiais chegaram ao local, o mais velho correu para dentro da casa deixando o adolescente.

Ao ver a situação, os pais da dupla autorizaram a vistoria na residência. No quintal, no galinheiro, os policiais encontraram seis porções de maconha e um cigarro da mesma droga.

Questionado, o mais velho disse que a droga seria de uma mulher e teria pego para revender. Ele levou os militares até a casa da suspeita no mesmo bairro.  

Ao chegar ao imóvel, uma das mulheres, ao ver os dois irmãos detidos, saiu correndo e gritando “Sujou! A polícia está aqui”. Mas não conseguiu fugir e foi contida pelos policiais.

Dentro da casa, a outra suspeita se trancou em um banheiro e deu inúmeras descargas até que conseguiu se desfazer de um celular. Só então, ela se entregou.

Na residência, os policiais encontraram uma caderneta com anotações da movimentação da venda de entorpecente discriminando nomes e valores. Foram encontradas ainda três porções de cocaína, sete porções de maconha, R$ 1,3 mil e quatro cédulas de moeda estrangeira.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO