16.08.2019 | 09h55


BR-364

Mulher pega carona e acaba estuprada por caminhoneiro a caminho de Cuiabá

A mulher conseguiu fugir do agressor após eles pararem em um posto de combustíveis e ela pedir para ir ao banheiro.


DA REDAÇÃO

Uma mulher foi estuprada por um caminhoneiro após pegar carona. O caso foi registrado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na cidade de Rondonópolis (212 km de Cuiabá), na madrugada desta sexta-feira (16).

De acordo com o Boletim de Ocorrência, a PRF foi acionada por volta de 1h30, pela vítima estava em um posto de pedágio da Rota do Oeste, concessionária que administra a rodovia, sendo acalmada por outras pessoas após ter sido estuprada.

Aos policiais, a mulher contou que pediu carona para o caminhoneiro no município de Cassilândia e tinha como destino a cidade de Tangará da Serra. O caminhoneiro, que dirigia uma Scania amarela carregada com madeira, tinha como destino Cuiabá.

Ficou combinado de ela vir até à Capital, onde compraria passagem para Tangará. No meio do caminho, porém, o agressor parou o veículo às margens da rodovia e a estuprou.

Os dois ainda seguiram viagem após o crime até a cidade de Rondonópolis, onde pararam em um posto de combustíveis e a vítima fugiu pedindo que fosse ao banheiro. No posto ela pediu socorro para outras pessoas e o homem foi embora.

A mulher afirma que nunca viu o homem na vida. Ela repassou características físicas do agressor e a placa do caminhão foi registrada pela Rota do Oeste e qualificada no boletim de ocorrências.

O fato foi registrado pela PRF e pela Polícia Civil da cidade de Rondonópolis.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER