27.05.2020 | 10h15


POLÍCIA / AJUDA DO MAL

Mulher é atropelada ao deixar banco, motociclista presta socorro e tenta roubá-la

Caso foi registrado na tarde desta terça-feira, em Peixoto de Azevedo, e homem que causou o acidente ofereceu para levar a vítima ao hospital, quando tentou pegar sua bolsa


DA REDAÇÃO

Uma mulher, nome não revelado, foi atropelada durante a tarde dessa terça-feira (26) por uma motocicleta Honda Titan conduzida por um ladrão, no centro de Peixoto de Azevedo (691 km da Capital). O bandido socorreu a vítima, porém, tentou roubar a bolsa dela.

A vítima não teve ferimentos graves e foi socorrida com algumas escoriações pelo corpo.

Segundo o relato da mulher, ela saía do banco, onde sacou uma quantia em dinheiro, valor não divulgado, quando foi atingida pela moto.

Ela caiu, o piloto parou a moto, levantou a mulher e ofereceu para levá-la a uma unidade de saúde.

A caminho do hospital, ainda segundo a vítima, o acusado a segurou e tentou pegar sua bolsa, quando ela começou a gritar por socorro e chamou atenção de populares.

Assustado, o ladrão largou a mulher, mesmo sem conseguir pegar a bolsa, e saiu em alta velocidade.

A Polícia Militar (PM) foi acionada, rapidamente chegou ao local e ouviu o relato da vítima.

Uma testemunha se apresentou aos militares e entregou uma fotografia que fez durante a tentativa de roubo com a numeração da placa da moto.

Ao fazer a consulta, os policiais identificaram o suposto dono do veículo e o endereço, para onde a guarnição se deslocou.

Na casa do acusado, o ladrão não foi encontrado, mas a motocicleta estava na residência e foi apreendida.

Há suspeita de que o acusado pudesse estar seguindo a vítima, ou a viu saindo do banco e o atropelamento tenha sido proposital.

A ocorrência foi registrada por crime de tentativa de roubo e encaminhada à Delegacia de Polícia Civil, responsável por investigar o caso.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO