18.06.2020 | 16h20


POLÍCIA / ARROZ COM ‘FEZES’

Mulher denuncia mercado por vender produto contaminado na Capital

A acusação resultou em operação conjunta da Decon e Vigilância Sanitária na tarde de quarta-feira.


DA REDAÇÃO

Uma mulher, nome não divulgado, denunciou à Polícia Civil, na tarde dessa quarta-feira (17) que um grande supermercado da Capital estaria vendendo pacotes de arroz com ‘corpos estranhos’, supostamente, fezes e urina de rato.

A consumidora entregou o produto contaminado aos investigadores para comprovar a acusação.

A denúncia resultou em uma operação conjunta entre a Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor (Decon) e Vigilância Sanitária, que compareceram ao estabelecimento para averiguar a denúncia.

Durante a inspeção foi constatado que o supermercado já havia separado e retirado de comercialização o lote do produto suspeito. As equipes da Decon também verificaram que o estabelecimento comercial está com o certificado de controle de pragas atualizado e que não havia nenhum vestígio de roedores no local.

Todo o material apreendido foi encaminhado pela Polícia Civil à perícia que vai determinar de os ‘corpos estranhos’ realmente se tratam de excrementos de ratos ou algum outro animal.

As investigações continuam para identificar em qual ponto da cadeia de produção houve a falha, que terminou com o alimento contaminado na casa do consumidor, e ainda apontar a responsabilidade do fato.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO