05.04.2020 | 17h54


POLÍCIA / INIMIGO ÍNTIMO

Mulher agredida com golpe de facão na cabeça é socorrida por vizinhos

Marido da vítima, autor da agressão, foi preso em flagrante deitado numa cama, num quarto nos fundos da casa


DA REDAÇÃO

Um homem de 47 anos, nome não revelado, foi preso no início da madrugada deste domingo (05) após espancar sua esposa e atingir a vítima com um golpe de facão na cabeça durante uma discussão em casa, no bairro Pedra 90, em Cuiabá.

Vizinhos socorreram a mulher, que correu para a rua completamente ensanguentada. Os populares acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e a Polícia Militar (PM).

Enquanto a ambulância do Samu ainda estava a caminho, a vítima relatou aos policiais que o marido estava consumindo bebida alcoólica quando começou uma discussão por motivos fúteis e passou a agredi-la fisicamente.

Para se defender, ela entrou em ‘vias de fato’ com o agressor, momento em que ele se armou com o facão e atingiu um golpe na cabeça da vítima, que começou a sangrar muito.

A mulher conseguiu correr e pedir ajuda na rua, quando foi ajudada pelos vizinhos.

Os paramédicos do Sam chegaram ao local, prestaram os primeiros socorros e encaminharam a paciente ao Hospital Municipal (HMC), onde funciona o novo Pronto-Socorro da Capital (PSM), para receber cuidados médicos específicos.

Não há informações sobre o atual estado de saúde da vítima.

Ainda antes de ser encaminhada à unidade de saúde, a mulher apontou a localização de sua casa e autorizou que os policiais entrassem.

O acusado foi abordado e preso em um quarto nos fundos da casa, onde estava deitado em uma cama.

O agressor tinha algumas escoriações no peito, pescoço e braços, causadas durante a luta corporal com a esposa.

A PM fez buscas pela casa, mas não foi encontrado o facão usado na agressão.

Diante dos fatos, o acusado foi encaminhado à Delegacia Central de Flagrantes, onde a ocorrência foi registrada por crime de violência doméstica, lesão corporal e o homem ficou detido à disposição da Justiça.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO