alexametrics
02.02.2011 | 12h35


POLÍCIA

Motoboy que morreu em acidente era músico da Banda Terra

MAYARA MICHELS      12h30
DA REDAÇÃO

Elias Oliveira de Almeida, de 22 anos, que morreu na tarde de ontem, após ser atropelado pelo caminhão da empresa City Lar, está sendo velado na casa dos pais no bairro Parque Cuiabá.

O jovem era músico profissional e estava gravando o seu segundo CD. Elias tocava na Banda Terra e na Banda Músicos do Forró, além de ser o músico responsável pela banda da Igreja Mundial, que fica na Barão de Melgaço.

Segundo informações do melhor amigo da vítima, Eduardo Francisco da Silva, que também é músico, o motorista após o acidente acionou o advogado da empresa e a City Lar arcou  com todas as despesas do funeral. "Sobre o acidente a informação que eu tive é que para não colidir com o caminhão, Elias freou bruscamente a moto, mas com isso ele acabou caindo em baixo do caminhão", contou o amigo.

"Ele era meu parceiro. Tocávamos juntos e ele era o ´cara`. Sabia tocar todos os instrumentos", revelou o amigo, emocionado.

O corpo do músico será sepultado hoje às 16h no Cemitério Parque Cuiabá. Elias residia no bairro Planalto, era casado  deixou uma filha de 2 anos.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO

Bebe Prime