26.01.2020 | 13h55


POLÍCIA / "BAILE DA 17"

Moradores denunciam e Rotam fecha baile funk na Capital

No local, os policiais encontraram diversas pessoas com passagens criminais. Todos foram encaminhados para Central de Flagrantes.


DA REDAÇÃO

Uma equipe da Rondas Ostensivas Táticas (Rotam) fechou uma festa, intitulada “Baile da 17”, na madrugada deste domingo (26), no bairro Doutor Fábio, na Capital. Diversas chamadas ao Ciosp denunciaram uma festa regada a álcool com menores de idade e perturbação da ordem pública.

De acordo com a ocorrência, o encerramento do baile não necessitou de força, pois, os participantes colaboraram e dispersaram rapidamente. 

Além disso, foram encontradas diversas pessoas com passagens criminais no local, que foram encaminhadas para Central de Flagrantes. 

Outro Caso

A Polícia Militar (PM), por meio do 2º Comando Regional, também fechou um baile funk regado a álcool e drogas, no dia 29 de setembro, no Clube Social Balneário Reforço, no bairro São Matheus, em Várzea Grande.

A PM recebeu diversas denúncias, via Ciosp, de perturbação da tranquilidade e menores consumindo bebida alcoólica e entorpecente.

Conforme o boletim de ocorrência, com a chegada dos policiais, alguns participantes tentaram fugir pulando o muro, outros atiraram pedras em direção da guarnição. Outro grupo se escondeu no banheiro.

As equipes controlaram o tumulto, sendo necessário o uso de balas de borracha.

 

Ao revistar o local foram encontrados, além de bebidas alcoólicas, diversos papelotes de drogas no banheiro.

Galeria de Fotos:
Crédito:
Crédito:
Crédito:










(2) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Ruy passos  27.01.20 07h13
Parabéns a Polícia Militar, tem gente de bem morando ai perto que acorda cedo pra trabalhar, e esses noias querem ficar até tarde com som alto. Obrigado pmmt.

Responder

10
0
marcia  26.01.20 16h52
parabens a ROTAM. aqui perto de casa tem um vizinho que não importa o dia da semana , quando faz festa vai ate depois das 2 da manha. o caboclo não tem trabalho fixo e pra ele tanto faz.

Responder

16
0

TV REPÓRTER

Enquete

QUARENTENA

Você é a favor de parar tudo ou só isolar grupo de risco?

Sim, parar tudo é a melhor solução para conter o vírus

Não, parada total é suicídio econômico; será o caos pior que a doença

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO