02.12.2019 | 17h00


VIOLÊNCIA SEM LIMITES

Ladrões rendem casal na garagem de casa, roubam carro e estupram mulher

A vítima foi encaminhada ao IML para exame de corpo delito. O crime aconteceu na noite desse domingo (1º) no Centro de Várzea Grande.


DA REDAÇÃO

Dois bandidos armados invadiram uma casa durante a noite desse domingo (1º), no Centro de Várzea Grande, onde roubaram um Volkswagen Fox, fizeram uma “limpa”, além de estuprar uma mulher de 50 anos.

De acordo com o boletim de ocorrência, o casal estava saindo de carro da residência, por volta das 20h30, quando foi surpreendido por dois homens armados que chegaram numa motocicleta.

Com a arma apontada para a cabeça do marido, os assaltantes mandaram que eles descessem do veículo e retornassem para dentro da residência, onde foram amarrados e amordaçados.

A casa foi toda revirada e os bandidos carregaram o carro das vítimas com três televisores, um notebook, joias, roupas, três celulares, bebidas,  entre outros objetos de valor, além de R$ 300 em espécie, três pares de aliança, documentos e um cartão de banco e, em seguida, fugiram no Fox.

Após a fuga, o casal chamou a Polícia Militar (PM), que compareceu à residência. A mulher disse que um dos bandidos ficava o tempo todo no telefone recebendo ordens de um comparsa.

Segundo boletim de ocorrência, um dos ladrões abusou sexualmente da mulher antes de deixar o local. O documento não explica em qual cômodo da casa o marido estava quando a violência aconteceu.

Toda a ação criminosa durou cerca de 1 hora.

A mulher foi encaminhada ao Instituto Médico Legal (IML) para exame de corpo delito.

Em rondas pela região, o Fox foi encontrado por outra guarnição da PM na região da Passagem da Conceição. 

Três pessoas foram presas numa casa do bairro Serra Dourada, onde foram encontradas duas TVs, uma caixa de bebidas e o dinheiro, roubados da casa das vítimas. Os detidos vão responder por participação no crime e receptação de produtos roubados.

Os dois assaltantes não foram presos até a publicação desta reportagem, mas segundo a polícia, já foram identificados.

 

A Delegacia Especializa de Repressão em Roubos e Furtos (Derrf) investiga o caso.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO