alexametrics
17.07.2010 | 12h35


POLÍCIA

Ladrão morre durante roubo



Um assaltante morreu e outro foi baleado em uma tentativa de roubo a um caminhão de fretes em Várzea Grande. Mesmo após ser atingido por 2 disparos de arma de fogo, o caminhoneiro Senino Ferreira Guimarães, 60, conseguiu tomar o revólver dos bandidos.

Ele relatou à Polícia que, por volta das 19h de quarta-feira, uma mulher loira chegou no ponto em que ele trabalha, no bairro Verdão, em Cuiabá, e pediu se ele podia fazer uma mudança. Os 2 seguiram para o endereço, no bairro Nova Olímpia, em Várzea Grande.

Ao chegar na última rua do bairro, em uma casa toda murada, Senino estacionou o furgão e desceu com a mulher, que simulou ter perdido as chaves do portão. Os 2 se agacharam e começaram a procurar no chão, quando o caminhoneiro sentiu uma arma encostar em suas costas e percebeu a aproximação de 3 pessoas.

Ele contou que se assustou e, ao se levantar, o bandido efetuou o primeiro disparo, que atingiu as costas de Senino. O projétil teria transfixado e atingido outro assaltante, que estava em frente à vítima. "Eu só vi o bandido caindo e eu fui parar nos braços de um outro, quando levei outro tiro".

O segundo disparo atingiu o braço de Senino. Mesmo ferido, ele conseguiu tomar o revólver do assaltante e atirou contra o terceiro envolvido.

A mulher, que permaneceu no local, e o assaltante que estava com arma, identificado apenas por "Precheca", montaram em uma moto de cor vermelha e conseguiram fugir.

O fretista jogou a arma no local, subiu no caminhão e saiu do local. Ele dirigiu por cerca de um quilômetro, até a rua principal do bairro, quando encontrou uma viatura da Polícia Militar. A guarnição seguiu até o local do crime e se deparou com um dos assaltantes morto e a arma utilizada no assalto jogada no chão. O criminoso foi identificado como Rodrigo Silva Moraes, 24.

Ainda nas proximidades, os policiais encontraram o outro bandido, baleado no abdome. Ele foi identificado como Alex Júnior Miranda da Silva, 22, que já tem passagens pelos crimes de tráfico de entorpecentes, estelionato e porte ilegal de arma.

Ele foi encaminhado ao Pronto-Socorro de Várzea Grande e passou por uma cirurgia. A Polícia tentou ouvi-lo, para chegar no casal que fugiu, mas ele ficou calado. Nesta quinta-feira, ele permaneceu internado, mas assim que receber alta deve ser interrogado e continuar preso pela tentativa de roubo.

O caminhoneiro também foi socorrido e encaminhado ao Pronto-Socorro. Segundo informações da unidade, ele foi medicado e transferido para um hospital da cidade, mas passava bem.

A Polícia Civil trabalha na tentativa de identificar e prender os outros 2 envolvidos no crime. Tanto Rodrigo quanto Alex moravam no bairro Santa Isabel, em Cuiabá.












COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO

Bebe Prime