22.09.2010 | 23h14


POLÍCIA

Incêndio florestal assusta turistas no Sesc Pantanal

MAYARA MICHELS
DA REDAÇÃO

Um incêndio florestal que começou na manhã desta terça-feira (21) chegou perto do Hotel Sesc Pantanal, localizado na Rodovia Transpantaneira, a 70 km de Poconé (100 km ao Sul de Cuiabá).

Segundo informações da Defesa Civil, apenas um avião foi solicitado pela diretoria do hotel para ajudar no controle do incêndio. A pousada tem brigadistas contratados que trabalham no estabelecimento.

Segundo o Corpo de Bombeiros, eles não precisaram ir ao local para atender à ocorrência. Com o uso de aeronave, os brigadistas do hotel controlaram o fogo ainda na tarde desta terça-feira.

Segundo informações da direção do hotel, o incêndio já está controlado. "Foi apenas um susto, ninguém precisou sair do local, os brigadistas já controlaram o incêndio", afirmou um funcionário, que preferiu não se identificar.

Destruição em Chapada

 Após quase 15 dias do início do incêndio que começou na região próxima à Comunidade São Jerônimo, no denominado Circuito das Cachoeiras, e se alastrou pelo Parque Nacional de Chapada dos Guimarães, o fogo foi, enfim, controlado.

Ainda sem dados oficiais, estima-se que ao menos 15 mil hectares do Parque tenham sido atingidos, o que representaria uma perda de quase 50%, já que a área total da unidade é de 33 mil hectares.

De acordo com o analista ambiental do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Sandro Benavides, o fogo teria sido controlado ainda no último sábado (11), mas o Parque continua passando por monitoramento.

Apesar do controle na unidade de conservação, o analista informou que nas proximidades do Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (Cindacta) e do Vale da Benção, ambos localizados fora do Parque, ainda há focos de incêndio.

No total, trabalharam no controle do fogo 35 brigadistas, que já atuam no Parque, além de nove brigadistas emprestados da Floresta Nacional do Jamari, em Rondônia, e três da Estação Ecológica Iquê-Juruena, do município de Juína (735 km ao Noroeste de Cuiabá). Um helicóptero do Estado também foi utilizado na operação.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO