02.01.2011 | 18h12


POLÍCIA

Henry promete "moralizar" pasta da Saúde em Mato Grosso

ROBERTA DE CÁSSIA
DA REDAÇÃO

O secretário de Saúde do Estado Pedro Henry (PP), quem diria, disse em entrevista, durante cerimônia de posse dos secretários de governo de Silval,  que entre as suas metas  para a pasta está a moralização da saúde. "Temos que fazer um enfrentamento nas situações de urgência e emergência rapidamente", afirmou.

Segundo Henry, muitas coisas na saúde precisam ser moralizadas para realmente surtirem efeito e acabar com ralos financeiros, fazendo uma gestão mais rigorosa na aplicação dos R$ 925 milhões destinados ao setor, em hospitais e unidades de saúde. "Já começamos a gerar um caixa para equipar o hospital metropolitano principalmente na área de traumatologia", anunciou PH.

Henry, que conseguiu na justiça a validação dos mais de 80 mil votos nas eleições, se livrou da Lei da Ficha Limpa e agora assume como secretário. No dia 16 de dezembro foi diplomado como deputado Federal.

As declarações de PH merecem uma certa desconfiança, já que o mesmo ficou famoso depois de ser denunciado no "escândalo do Mensalão do DEM" e também na máfia dos sanguessugas, que desviava dinheiro, justamente, da Saúde. É esperar pra ver.

 

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO