21.10.2010 | 00h23


POLÍCIA

Governo promete reduzir valor do IPVA em 9% no ano que vem



da redação

Quem tem carro sabe o valor alto que paga, anualmente, de Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores. A alíquota em Mato Grosso está entre as maiores no país. Hoje, o governo estadual informou que ela pode ser menor, ano que vem, com base em pesquisa feita pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) sobre os valores venais dos veículos usados no período de julho de 2009 a julho de 2010. "O IPVA é calculado sobre o valor médio de mercado dos veículos usados, normalmente com base no mês de setembro do ano anterior, de acordo com levantamento feito pela Fipe. Se a tendência se confirmar, a redução do imposto deve ser de 9%, em média", informa o governo matogrossense.

Este ano, o IPVA também foi menor, na comparação com o ano anterior. A queda foi influenciada pela redução do Imposto Sobre Produto Industrializado (IPI) para carros novos, o que derrubou o preço dos veículos usados. Segundo o secretário de Fazenda de Mato Grosso, Edmilson José dos Santos, a medida, adotada pelo governo federal para minimizar os efeitos da crise econômica, ainda vigorava em setembro de 2009.

Os veículos novos adquiridos em concessionárias do Estado por quem reside em Mato Grosso têm o benefício da isenção do IPVA no exercício em que o bem foi adquirido, desde que permaneçam registrados no Estado pelos dois anos seguintes ao da compra. "Mesmo residindo em Mato Grosso, o contribuinte que compra um veículo zero quilômetro em concessionária de outro Estado não tem direito à isenção. Além disso, tem de pagar o ICMS diferencial de alíquota para Mato Grosso", alerta o secretário Edmilson dos Santos.

O calendário de pagamento do imposto para o exercício de 2011 será divulgado entre os meses de novembro e dezembro pela Gerência de Informações do IPVA (GIPVA), da Superintendência de Informações Sobre Outras Receitas (Sior) da Sefaz. Do total arrecadado, 50% ficam com o Estado e a outra parte vai para os municípios onde os carros estão emplacados.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO