13.07.2010 | 17h47


POLÍCIA

Filho de deputado pode sair do coma induzido

DA REDAÇÃO

 

Os médicos que cuidam do jovem Eliene Lima Filho, de 15 anos, afirmaram que devem retirá-lo do coma induzido entre hoje e amanhã. Ele foi atropelado no último dia 7, na MT-251 e está está na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Santa Rosa, em Cuiabá.

De acordo com o último boletim médico, emitido na manhã de hoje, o quadro médico de Filho é estável e a sedação vem sendo reduzida de forma gradativa. A expectativa é que nesta quarta-feira ela possa ser completamente retirada.

No último sábado, médicos revelaram à família que não houve uma agressão significativa ao sistema nervoso central do filho caçula do deputado federal Eliene Lima (PP).

Apesar do quadro positivo, os médicos afirmam que ainda é cedo para saber se haverá seqüelas definitivas ou temporárias ocasionadas pelo traumatismo craniano ocasionado pelo atropelado na rodovia Emanuel Pinheiro, estrada que liga Cuiabá a Chapada dos Guimarães, no km 28.

Em outro exame realizado na última sexta-feira (09), ficou constatado que o adolescente não sofreu lesão espinhal ou medular.

Eliene Lima Filho está há seis dias em coma e respirando com ajuda de aparelhos. No acidente o jovem fraturou as duas pernas, sofreu luxação no ombro e um edema cerebral.

 

FONTE: midianews











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO