06.12.2010 | 17h25


POLÍCIA

Filho de deputado Eliene Lima já se recupera em Cuiabá

ANDRÉ MICHELLS
DA REDAÇÃO

Depois de três meses internado, parte em Cuiabá e parte em São Paulo, Eliene Lima Júnior (16), filho do deputado federal Eliene Lima (PP), já está em plena recuperação em Cuiabá, com sessões de fisioterapia para recuperar o movimento normal das pernas, que foram fraturadas.

O adolescente ficou à beira da morte, passando pelas UTIs dos hospitais Jardim Cuiabá e Santa Rosa, na Capital de MT e também, a maior parte do tempo, na UTI do Hospital Beneficência Portuguesa, em São Paulo.

Eliene Jr foi vítima de grave atropelamento, ocorrido no dia 7 de julho passado, na Rodovia Emanuel Pinheiro, que liga Cuiabá a Chapada, na altura do km 28. Segundo testemunhas, o rapaz, com o impacto foi arrastado por vários metros pelo veículo.

O adolescente sofreu, segundo o boletim médico da época, edema cerebral, fraturas nas pernas e ombros. Depois de passar por dois hospitais de Cuiabá, foi encaminhado para São Paulo, por causa de uma infecção hospitalar. A assessoria de imprensa do deputado afirmou que o garoto não apresenta seqüelas neurológicas, mas ainda precisa de um longo trabalho de recuperação das pernas, que possuem feridas abertas por estarem  devido a colocação de pinos para recuperação óssea.

Uma fisioterapeuta acompanha Eliene Júnior diariamente, com massagens e movimentos. O deputado espera conseguir, tão logo as feridas cicatrizem, uma transferência do menino para o Hospital Sara Kubistchek, em Brasília para dar prosseguimento à recuperação.

O acidente ocorreu quando o rapaz saiu da chácara onde estava, durante a noite e foi para a rodovia pedir carona com amigos para ir até a Expoagro, que acontecia em Cuiabá e, ao entrar na pista, sem perceber, não foi visto pelo motorista que o colheu. O deputado Eliene chegou a isentar o motorista de culpa pelo acidente. Na versão do parlamentar, o menino de 15 anos estava “muito distraído ao tentar atravessar a rodovia”.

O parlamentar estava em Brasília quando o fato ocorreu. Eliene disse na ocasião que o filho não estava alcoolizado, como se chegou a cogitar. O deputado ficou abalado com o acidente do filho e, no Twitter, deixou a seguinte mensagem: "Meu filho caçula foi atropelado. Peço que rezem por ele. Meu coração está apertado. Tenho medo"!











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO