16.08.2019 | 14h44


FORAGIDO DESDE 2012

Engenheiro é preso por estuprar menina de 9 anos e vai pegar 12 anos de cadeia

Para não ser descoberto, ele vivia em municípios do interior do Estado, alternando sua permanência nas cidades.



Um engenheiro civil, foragido da Justiça, pelo crime de estupro de vulnerável, cometido em 2012, contra uma menina de 9 anos, foi preso pela Polícia Judiciária Civil, na tarde de quinta-feira (15), na Capital, em ação da Gerência Estadual de Polinter e Capturas.

E.O.C. de 41 anos, conhecido como “Dema”, teve a ordem judicial de prisão preventiva decretada pela 14ª Vara Criminal da Comarca de Cuiabá, após ser condenado à pena de 12 anos de reclusão por estupro de vulnerável.

Ele foi localizado e preso pelos policiais civis do Núcleo de Inteligência Operacional da Polinter, no bairro Nossa Senhora Aparecida.

O engenheiro tinha conhecimento sobre a condenação pelo crime de violência e abuso sexual, cometido em 2012.

Passou por Colíder, Alta Floresta e Sinop, sempre na intenção de dificultar o trabalho da polícia.

Durante investigação, a equipe da Polinter levantou suspeitas que E.O.C. estaria em Cuiabá. De posse das informações, os investigadores em trabalho de monitoramento, lograram êxito em surpreender o procurado no bairro Nossa Senhora Aparecida.

Ao ter o mandado de prisão preventiva por condenação cumprido, E.O.C. foi conduzido até a Polinter para providências cabíveis. Posteriormente, o preso foi apresentado para audiência de custódia, ficando à disposição da Justiça.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER