28.01.2011 | 12h03


POLÍCIA

Dema e Sema apreendem 81 quilos de pescado em MT

DA ASSESSORIA

Mais de 80 quilos de pescado foram apreendidos na região do município de Porto Estrela (194 km a Médio-Norte), durante fiscalização da Delegacia Especializada do Meio Ambiente (Dema) e da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), na quinta-feira (27).

Ao todo, foram 81quilos de peixes das espécies Barbado, Dourado e Pacu. Também foram apreendidos 1 freezer, 2 espingardas calibres 28 e 22, 1 tarrafa, 1 rede de pesca, 2 giqui de 2 metros (arame utilizado para captura de peixes).

A Delegacia recebeu informação que na região sitiantes estavam utilizando materiais proibidos para captura de peixes. Em um dos sítios, policiais e fiscais encontraram moradores pescando ilegalmente. Estes, ao avistarem a chegada dos policiais, fugiram do local. Na propriedade, a fiscalização encontrou um freezer escondido na mata ligado a uma extensão de energia, de cerca de 100 metros, enterrada, que ia até um sítio na comunidade Boi Morto, em Porto Estrela. No refrigerador estavam vários exemplares do pescado.

O proprietário da área é Bras da Gama. Ele não foi encontrado, mas responderá inquérito policial na Dema.

Na terça-feira (25.01), investigadores da Dema e fiscais da Sema estiveram na localidade de Saltinho do Rio Manso, região de difícil acesso pertencente ao município de Nova Brasilândia (215 km ao Sul). Ali, dezenas de peixes encontrados em um saco de náilon submersos na água foram devolvidos ao rio.

A fiscalização também apreendeu redes e molinetes deixados pelos pescadores, que fugiram assustados com a presença da equipe das unidades ambientais. Os fiscais e policiais também orientaram a população sobre a proibição de pescar próximo a cachoeiras e no período de defeso da piracema.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO