09.09.2019 | 17h00


INSEGURANÇA PÚBLICA

Conselheiras Tutelares têm carro roubado ao prestar socorro a 'vítimas' de acidente

O crime aconteceu por volta das 10h30 desta segunda-feira (09) na MT-060, que liga Nossa Senhora do Livramento a Poconé.


DA REDAÇÃO

Duas conselheiras tutelares e três crianças foram assaltadas por três bandidos na manhã desta segunda-feira (09) enquanto seguiam num carro, Fiat Uno, da Secretaria de Assistência Social do município de Nossa Senhora do livramento (45 km da Capital) na MT-060, em direção à cidade de Poconé (100 km de Cuiabá).

As vítimas seguiam para a cidade onde as conselheiras fariam a reintegração familiar das crianças que ficariam sob a responsabilidade da avó.

De acordo com uma das conselheiras, identificada pelas iniciais E.F., na altura da Escola Estadual Tereza Conceição de Arruda, próxima à Comunidade Quilombola de Mata Cavalo, ainda dentro de Nossa Senhora do Livramento, pararam na rodovia para prestar socorro às vítimas de um acidente de trânsito, onde dois carros haviam capotado na região. As vítimas tentavam sair dos veículos acidentados.

No entanto, as conselheiras e as crianças foram imediatamente abordadas pelos três criminosos que já chegaram gritando: “Perderam, isso aqui é um assalto, passa as chaves”.

Muito nervosos e com medo, as duas conselheiras retiraram as crianças de dentro do carro e entregaram a chave do veículo para os assaltantes, que roubaram alguns pertences pessoais das vítimas e seguiram com o Uno de volta, em direção a Nossa Senhora do Livramento.

As conselheiras prestaram depoimento na Delegacia de Polícia Civil do município, onde deram informações sobre as características dos bandidos.

De acordo com informações da Polícia Militar (PM), um dos veículos capotados, o Renault Oroch, era roubado e conduzido por bandidos, que após o acidente se esconderam na mata e assaltaram as conselheiras para fugir do local no Uno da prefeitura.

Até a publicação dessa reportagem os criminosos ainda não haviam sido identificados e ainda não há informações sobre o paradeiro do veículo da prefeitura.

A Polícia civil investiga o caso.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER