13.09.2019 | 14h25


CALOTE NA MADRUGADA

Cliente recusa pagar por sexo, agride e sequestra garota de programa em Cuiabá

O acusado foi preso por volta das 10h30 de quinta-feira (12) e aguarda por audiência de custódia.


DA REDAÇÃO

Um homem de 26 anos, identificado pelas iniciais A.M.S., foi preso na manhã de quinta-feira (12) após fazer sexo com uma garota de programa, 25 anos, se recusar a pagar e ainda manter a profissional em cárcere privado dentro do carro sob ameaças de morte, em Cuiabá.

Para conseguir se libertar do ‘cliente’, a prostituta saltou do carro em movimento, um Renault Kwid, e acionou a Polícia Militar (PM) que a encontrou com ajuda de aplicativo que mostrou sua localização em tempo real.

De acordo com o relato da garota, que trabalha em uma boate, ela foi abordada pelo rapaz para fazer um programa sexual. Após consumar o ato, o acusado se negou a pagar pelo programa e a prendeu dentro do carro, momento que arrancou com o veículo e começou a rodar por vários bairros de Cuiabá e Várzea Grande.

Durante o trajeto, o acusado começou a fazer ameaças contra a vida da mulher e teria dito que já havia matado uma pessoa e para matar mais uma “era daqui para ali”.

A prostituta aproveitou um momento de distração do acusado para pegar a chave do carro, mas foi agredida.

Sem alternativas, a garota teria pulado do carro e chamado a polícia.

Após o relato da profissional, os militares fizeram rondas pela região e localizaram o homem.

O rapaz e a garota de programa foram encaminhados à Central de Flagrantes para maiores esclarecimentos sobre o caso que foi registrado sob os crimes de ameaça, sequestro e cárcere privado.

A.M.S foi encaminhado para audiência de custódia.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER