24.03.2020 | 09h27


POLÍCIA / VIDA BANDIDA

Casal do crime rouba HB20 de motorista de aplicativo e capota durante fuga

Além do Hyundai, a PM recuperou um Chevrolet Ônix que também havia sido roubado na última sexta-feira (20) na Capital. Os dois criminosos foram presos


DA REDAÇÃO

Um homem de 24 anos, nome não revelado, foi preso dentro da policlínica do Coxipó e sua esposa, 36, detida dentro de casa após o casal armado render um motorista de aplicativo, roubar o Hyundai HB e capotar o carro, na madrugada desta terça-feira (24), na Rodovia Palmiro Paes de Barros, próximo à empresa Constubos, em Cuiabá.

Além do carro, o casal havia roubado o celular e R$ 500 do trabalhador.

A Polícia Militar (PM), por volta das 02h30, recebeu informação por meio do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp) de um roubo à mão armada na região.

No local informado os militares encontraram o HB20 tombado na rua e ainda, embaixo do veículo, um simulacro de pistola (arma de brinquedo) que o casal usou para cometer o crime.

Enquanto atendiam a ocorrência, os policiais foram avisados sobre um homem que teria dado entrada na policlínica com várias escoriações pelo corpo.

A guarnição se encaminhou à unidade de saúde, onde encontrou o acusado que confessou ter cometido o crime junto com a esposa. O ladrão ainda entregou o endereço da mulher.

Enquanto um militar ficou aguardando o acusado na Policlínica, outros policiais seguiram para a casa do casal, onde de início, não encontraram a acusada, porém, recuperaram um Chevrolet Ônix, que estava sem placas, estacionado na garagem da residência.

Por meio do Ciosp os policiais consultaram a numeração do chassi do Ônix e confirmaram ser produto de roubo cometido na última sexta-feira (20), quando o motorista de 47 anos foi rendido e teve o Chevrolet levado pelos bandidos.

Enquanto era feita a checagem do carro roubado, a mulher chegou em casa, após procurar ajuda médica e foi presa pela PM.

Em contato com o proprietário do HB20, 32 anos, este explicou que o casal pediu o serviço de transporte por aplicativo no bairro Jardim Gramado, endereço da casa da acusada, de onde seguiram como clientes até a Palmiro, momento em que o motorista foi rendido pelos ladrões.

O casal foi encaminhado à Delegacia Central de Flagrantes, onde a ocorrência foi registrada por crimes de roubo, receptação, utilizar arma de brinquedo para cometer crime e dano.

O caso foi encaminhado à Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos Automotores (Derfva), responsável por investigar o crime.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

Enquete

QUARENTENA

Você é a favor de parar tudo ou só isolar grupo de risco?

Sim, parar tudo é a melhor solução para conter o vírus

Não, parada total é suicídio econômico; será o caos pior que a doença

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO