15.02.2020 | 13h56


POLÍCIA / CENTRO DE CUIABÁ

Bandidos invadem hotel, aterrorizam funcionário e hóspede em busca de ouro

Criminosos renderam um recepcionista do estabelecimento e o obrigou a mostrar o quarto da vítima, onde roubaram joias, cheque e celular


DA REDAÇÃO

Dois bandidos armados invadiram um hotel na região central de Cuiabá, no início da madrugada deste sábado (15), onde renderam o recepcionista e perguntaram por um hóspede específico, identificado apenas como ‘Fernando’.

Conforme apurou a reportagem, os ladrões já tinham conhecimento de que a vítima estaria hospedada nesse estabelecimento com objetos de valor.

De acordo com a ocorrência, o primeiro ladrão entrou no hotel, se passou por cliente e pediu um quarto. Enquanto o recepcionista fazia o atendimento dele, o comparsa invadiu o local armado, e os dois anunciaram o assalto.

Nesse momento, renderam o funcionário e exigiram que fossem levados ao quarto do Fernando, onde bateram, se passando por policiais, mas não foram atendidos e arrombaram a porta e encontraram a vítima dormindo.

Os criminosos queriam um suposto ouro que estava com Fernando. Em seguida começaram a revirar todo o cômodo, de onde roubaram joias, folhas de cheques e o celular da vítima.

Após fazer uma ‘limpa’, a dupla foragiu.

A Polícia Militar (PM) foi acionada, fez buscas pela região, mas nenhum dos acusados foi encontrado.

A ocorrência foi registrada por crime de roubo à mão armada e encaminhada à Delegacia Especializada em Roubos e Furtos (Derf), responsável por investigar o caso.

Os investigadores contam com a ajuda de imagens das câmeras do circuito de segurança do estabelecimento e da região, que estão sendo analisadas, para identificar os bandidos.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

Enquete

QUARENTENA

Você é a favor de parar tudo ou só isolar grupo de risco?

Sim, parar tudo é a melhor solução para conter o vírus

Não, parada total é suicídio econômico; será o caos pior que a doença

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO