21.02.2011 | 22h30


POLÍCIA

Aprendiz de piloto que caiu com avião é trasferido para hospital particular

MAYARA MICHELS 17h11
DA REDAÇÃO

Continua em estado grave o aluno de aviação, Anderson Marcos Gazotto, de 30 anos, que estava no monomotor que caiu no último dia 18 em Santo Antônio do Leverger. Ele estava internado no Pronto-Socorro de Cuiabá e foi transferido neste fim de semana para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Amecor em Cuiabá.

Devido a queda, Anderson teve trauma abdominal, trauma no tórax e fraturas pelo corpo. O instrutor de voo, Ricardo Alcântara da Silva, de 31 anos, teve uma fratura exposta na perna esquerda e já teve alta do hospital.

Na hora da queda Anderson pilotava o monomotor de prefixo PP-ABX. Ele trabalha na empresa Passaredo Linhas Áereas.

A queda

Os dois ficaram feridos com gravidade após a queda de um avião monomotor, próximo ao aeroporto de Santo Antônio de Leverger. O monomotor foi arremetido após o aluno tentar pousar na pista do aeroporto Senador Jonas Pinheiro.

Segundo informações, o monomotor caiu às margens da estrada que liga Santo Antônio a comunidade de Cascalheiras, a 3 metros da pista. O avião decolou de uma pista no Distrito Industrial de Cuiabá, e sobrevoava baixo, há 7 km do aeroporto Senador Jonas Pinheiro quando caiu.

As causas do acidente serão investigadas pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). A Polícia Civil de Santo Antônio de Leverger também abrirá inquérito. A suspeita é de que tenha ocorrido falha mecânica.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO