30.03.2020 | 15h33


POLÍCIA / ÁREA CRIMINAL

Advogada é presa pela 2ª vez ao tentar invadir casa de promotor armada com faca

Primeiro prisão foi em dezembro do ano passado, em Cuiabá, quando tentou entrar na PCE com uma câmera espiã


DA REDAÇÃO

A advogada Priscilla Braga Alves foi presa ao pular o muro da casa de um promotor de Justiça de Colniza (a 1.078 km de Cuiabá), armada com uma faca grande nas mãos. A invasão aconteceu na madrugada de domingo (29).

Denúncia aponta que a mulher foi pega em flagrante pelo segurança do promotor.

A mulher foi detida pela Polícia Militar e encaminhada para a delegacia da cidade, onde o caso foi registrado por volta das 4h45.

Não foi especificado qual era a intenção da agressora ao entrar armada na casa do promotor.

OAB com histórico

Essa não é a primeira vez que Priscilla se envolve em ocorrências policiais. Ela foi presa em dezembro do ano passado por tentar entrar com uma câmera espiã dentro da Penitenciária Central do Estado (PCE), em Cuiabá.

Leia mais: Advogada é presa ao entrar na PCE com filmadora espiã e relógio smart

Ao ser presa, ela disse que estava com a câmera para filmar um cliente e provar que ele estava sendo maltratado dentro da cadeia.











(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

marcelo  30.03.20 16h01
Acredito que ela não é normal, não deve bater bem da cabeça não!!!precisa de ajuda!!

Responder

9
2
Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO